As minhas frases favoritas do livro “Tudo o que sei sobre amor” de Dolly Alderton

Comecei a ler este livro com grandes expectativas porque lá fora (de Portugal) este livro foi um sucesso. Pelo título, estava na esperança de ler algo profundo e realmente enriquecedor e que, acima de tudo, me fornecesse grandes lições de vida.

E a verdade é que, no meio de muitos relatos de episódios de vida da Dolly Alderton, houve de facto várias lições a retirar e que eu quis guardar. Por isso aqui ficam elas, as minhas frases favoritas do livro “Tudo o que sei sobre amor” de Dolly Aldteron.

img_8384-1.jpg

“Mas ainda demoraria o seu tempo até que eu percebesse que o caminho para a aventura não envolve apenas noitadas e bares e vinho e apartamentos de desconhecidos e carros estacionados com os faróis acessos e pequenos sacos de pó. Sempre encarei o álcool como o transporte que me leva à experiência, mas, à medida que me ia aproximando dos trinta, percebi que ele tanto podia atrofiar como exacerbar qualquer experiência.”

“Se um homem te ama porque és magra é porque não é um homem de jeito.”

“Não preciso que um músico carismático e deslumbrante escreva uma frase sobre mim numa canção. Não preciso de um guru me diga coisas sobre mim que eu penso não saber. Não tenho de cortar o cabelo todo porque um rapaz me diz que me ficava bem. Não tenho de mudar o meu corpo para ser digna do amor de alguém. Não preciso de palavras, olhares ou comentários de um homem para acreditar que sou visível, para acreditar que estou aqui.”

IMG_7476.jpg

” Se estás a sentir-te muito sobrecarregada com tudo, experimenta isto: limpa o teu quarto, responde a todos os emails por responder, ouve um podcast, toma um banho de imersão, vai para a cama antes das onze.”

” Tem sempre um livro contigo.”

” E também sei que o amor é uma coisa bastante sossegada. É estarmos deitadas no sofá, a beber café e a discutir aonde vamos naquela manhã para tomar mais café. É marcar páginas de livros que achamos que elas vão achar interessantes.”

” Se um homem precisa que o «mantenhas interessado» em ti é porque tem problemas que não te cabe a ti resolver.”

img_8372-1.jpg

“Por mais magra ou gorda que sejas, isso não é um indicador do amor que mereces ou que hás de receber.”

“Nenhuma questão prática é suficientemente importante para te manter na relação errada.”

“Quando estás à procura de amor e parece que talvez nunca o venhas a encontrar, lembra-te de que provavelmente já tens uma grande dose dele ao teu alcance, só que não do género romântico. Este género do amor talvez não te beije à chuva nem te peça em casamento. Mas sabe ouvir-te, inspirar-te e renovar-te. Há de te abraçar quando chorares, comemorar quando estiveres feliz e cantar músicas da All Saints contigo quando estiveres bêbeda. Tens tanto a ganhar e a aprender com este género de amor. Podes tê-lo contigo para sempre. Tem-no sempre o mais perto de ti que puderes.”

 

img_8384-1.jpg

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close